O VALOR “$” DA DIABETES

Segundo a Organização Mundial de Saúd (OMS) uma em cada onze pessoas no mundo tem Diabetes. O Brasil ocupa a quarta posição no ranking dos países com maior número de diabéticos no mundo. Dados da OMS mostram que 12,5 milhões de brasileiros são diabéticos, praticamente a população da cidade de São Paulo e no mundo já existem 420 milhões, o maior crescimento tem sido registrado em países de renda baixa e média.

Estudo realizado pelas Universidades King´s College (Inglaterra) e Gottingen (Alemanha) levantou dados de 180 países levando em conta as despesas médicas com o tratamento da Diabetes quanto os impactos na atividade econômica, como a perda de produtividade de trabalhadores e as mortes prematuras decorrentes da doença. Segundo o levantamento, os gastos do Brasil, com a Diabetes, foram de U$57,7 bilhões em 2015. Até 2030, essas despesas poderão subir para U$97 bilhões, estimativa conservadora, ou U$123 bilhões no pior cenário.

A Diabetes tipo 2 (>126mg/dl glicemia em jejum de 8 horas, *SBD), quando o corpo não consegue usar adequadamente a insulina ou não a produz suficiente, perfaz cerca de 90% dos diabéticos e é vista como uma epidemia global por ser crescente. A doença impacta diretamente a visão, os rins, nervos periféricos e  aumenta as complicações macrovasculares que se traduzem em derrame e infarto do miocárdio.

O termo pré-diabético é usado quando os níveis de glicose no sangue estão entre 100mg/dl e 125mg/dl após jejum de 8 horas, segundo a Sociedade Brasileira de Diabetes, e é nesse estágio que 50% dos pacientes irão desenvolver a doença, porém nesse estágio pode-se reverter ou mesmo retardar a evolução da doença com o emprego de programas de atividades físicas e exercícios somados a dieta específica.

Bruno Orsetti, sócio-diretor do Grupo Upper Life e coach da Upper Run

Gostou do Conteúdo? Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email

© 2019 Grupo Upper Life - Bem-Estar Corporativo. Todos os Direitos Reservados.